segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Saramago "fecha" o Caderno....


Despedida
Agosto 31, 2009 por José Saramago
Diz o refrão que não há bem que sempre dure nem mal que ature, o que vem assentar como uma luva no trabalho de escrita que acaba aqui e em quem o fez. Algo de bom se encontrará neste textos, e por eles, sem vaidade, me felicito, algo de mal terei feito noutros e por esse defeito me desculpo, mas só por não tê-los feito melhor, que diferentes, com perdão, não poderiam eles ser. Às despedidas sempre conveio que fossem breves. Não é isto uma ária de ópera para lhe meter agora um interminável adio, adio. Adeus, portanto. Até outro dia? Sinceramente, não creio. Comecei outro livro e quero dedicar-lhe todo o meu tempo. Já se verá porquê, se tudo correr bem. Entretanto, terão aí o “Caim”.
P. S – Pensando melhor, não há que ser tão radical. Se alguma vez sentir necessidade de comentar ou opinar sobre algo, virei bater à porta do Caderno, que é o lugar onde mais a gosto poderei expressar-me.

Museu do Côa abre em Outubro

O ministro da Cultura, Pinto Ribeiro, anunciou ontem que o Museu do Côa vai abrir portas em princípios de Outubro com a "gestão provisória do seu Ministério, até eventual criação de uma estrutura de missão para o Vale do Côa".
Pinto Ribeiro propôs um futuro modelo de gestão que consta numa sociedade anónima que poderá ter 50 por cento do orçamento disponibilizado pela Associação dos Municípios do Vale do Côa, com 30 por cento, e os restantes 20 por uma associação de privados.
Mais no Correio da Manhã.

ExperimentaDesign reúne em Lisboa

ExperimentaDesign reúne em Lisboa mais de 250 criadores de 23 países
Mais de 250 criadores das áreas do design e arquitectura provenientes de 23 países vão estar em Lisboa a partir de 9 de Setembro para participar em debates, conferências, exposições e projectos especiais da Bienal ExperimentaDesign´09.
Num ano em que celebra uma década de vida, o evento regressa à capital com alguns dos mais conceituados críticos, curadores e criadores a nível internacional, tais como Paola Antonelli, curadora no MoMa de Nova Iorque, Alice Rawsthorn, directora do Museu do Design de Londres, o arquitecto Alejandro Aravena, Giulio Cappellini ou Konstantin Grcic.
Mais no Público.

domingo, 30 de agosto de 2009

Edição de 1572 de "Os Lusíadas" na Europeana


A cópia digital de uma edição de 1572 de "Os Lusíadas", de Luís de Camões, é um dos 4,6 milhões de objectos disponíveis na biblioteca digital multilingue da Europa, Europeana, anunciou hoje a Comissão Europeia.

Através do endereço www.europeana.eu, os utilizadores da Internet têm acesso a 4,6 milhões de livros, mapas e outros objectos na Europeana, tendo o executivo comunitário de Bruxelas traçado o objectivo de chegar aos dez milhões até 2010. A referida edição de "Os Lusíadas", foi disponibilizada pela Biblioteca Nacional de Espanha, sendo que a contribuição portuguesa para a Europeana se cifra, até agora pelos 0,2 por cento.
Mais no Público.

Realizador italiano filma nos Açores

Jogo Duplo’ é o segundo filme de Alberto Anzani, realizador italiano que vai mostrar ao Mundo a Terceira, nos Açores. O filme retrata a história de dois irmãos gémeos apaixonados pela mesma mulher, uma terceirense noiva de um homem da ilha. Além disso, o funeral de um homem vivo é outro dos enredos desta comédia.
"Os cenários locais adaptam-se a uma história universal", onde se podem "explorar as vivências locais, a mentalidade limitada pela curta borda de terra com que o mar se impõe e envolve uma ilha", explicou o realizador, acrescentando que o arquipélago açoriano tem "um elevado potencial para histórias e contos".
Guarda-roupa local e artistas da terra também entram em ‘Jogo Duplo’. A rodagem vai ter continuidade no Lago Como, próximo de Milão, em Itália. A estreia do filme está prevista para o próximo Verão. (In Correio da Manhã.)

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

An Elephant Novel From José Saramago in 2010



On the heels of the runaway success of the Sara Gruen novel “Water for Elephants,” another writer is about to take aim at the best-seller list with a novel populated with elephants — only this time it’s the Nobel Prize-winning author José Saramago, who we assume will have a slightly different take on the subject. In a news release on Monday, Houghton Mifflin Harcourt said it had acquired a new novel, “The Elephant’s Journey,” by Mr. Saramago, the Portuguese author of books like “Blindness” and “Death With Interruptions.”
Mais em New York Times.

França: Novo livro sobre 25 de Abril

A revolução dos cravos em Portugal" é o titulo do livro bilingue publicado em França pela editora Harmattan.
Uma edição bilingue - em francês e português - com a qual o autor pretende atingir não só aqueles que dominam o português mas também aqueles luso-descendentes ou franceses, que usam o francês como língua materna.
"Encontrei muitos jovens em França que, nascidos depois de 1974, não sabiam o que tinha sido o 25 de Abril. Explicar a esses jovens porque surgiu, como se desenvolveu e para que foi necessário o 25 de Abril de 1974, foi o objectivo principal que me levou a escrever este livro." declarou, à agência Lusa, o autor Manuel do Nascimento.
Como motivação para a realização da obra, o autor relembra também um encontro com Otelo Saraiva de Carvalho, revelando ter recebido do capitão
Mais no Público.

Cinema no Douro em Setembro

O encontro internacional de cinema do Douro, intitulado Douro Film Harvest, tem este ano a sua primeira edição. O objectivo é "mostrar o Douro ao Mundo", disse ontem António Martinho, presidente da Entidade Regional Turismo do Douro, na apresentação da programação, em Lisboa. O certame é dirigido à indústria e amantes do cinema, para que possam olhar para a região como um cenário de filmagens.
A primeira edição do Douro Film Harvest decorre entre 9 e 13 de Setembro, e vai homenagear Milos Forman, realizador de filmes como ‘Amadeus’, que será entronizado na Confraria do Vinho do Porto. A actriz Andie MacDowell e o músico Kyle Eastwood (filho de Clint) são dois outros convidados.
Os actores Ana Padrão e Ricardo Trêpa são os anfitriões do Douro Film Harvest. Em relação a expectativas, a actriz espera que o encontro "venha a ser um festival internacional".
O evento tem um orçamento de 600 mil euros, apoiados pelo Turismo do Douro, e decorre em quatro localidades (Lamego, Vila Real, Torre de Moncorvo e Santa Marta de Penaguião). O preço dos bilhetes é de três euros e está à venda em qualquer um dos locais onde serão mostrados filmes.
Mais no Correio da Manhã.

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Pessoa, entre sus poemas

"Informe Pessoa - Fado y poesía de Portugal" , espectáculo concebido y realizado por Santiago Kovadloff en relatos y lectura de poemas, junto a Marcelo Moguilevsky (vientos, voz, piano y percusión) y César Lerner (en piano, acordeón y percusión).


...Entonces, ¡bendito seas, Fernando Pessoa, poeta de Lisboa! ¡Bendita tu proteica índole poética! Con tus heterónimos (Alvaro de Campos, Ricardo Reis, Alberto Caeiro y el escabullidizo Alexander Search) que birlan y se burlan de lo consabido; de los convencionalismos lingüísticos y de los presuntuosos significados, al declarar una nueva relatividad idiomática: la que dicta tu poesía de la pesadumbre...


Leer más en La Nación de Buenos Aires.

Caim, novo romance de Saramago


O novo romance de José Saramago chama-se "Caim" e tem como personagens principais aquela figura bíblica, Deus e a Humanidade "nas suas diferentes expressões", segundo a descrição de Pilar del Río no blog.
Saramago escreveu outro livro", anuncia a mulher do escritor e presidente da Fundação José Saramago num texto colocado no blogue "O Caderno de Saramago", recordando que surge um ano depois do lançamento do anterior, "A Viagem do Elefante".
A nova obra literária "não é um tratado de teologia, nem um ensaio, nem um ajuste de contas: é uma ficção em que Saramago põe à prova a sua capacidade narrativa ao contar, no seu peculiar estilo, uma história de que todos conhecemos a música e alguns fragmentos da letra", descreve Pilar del Río.
Assinala ainda que em "Caim", tal como nos anteriores livros - e dá o exemplo de "O Evangelho segundo Jesus Cristo" - "o autor não recua diante de nada nem procura subterfúgios no momento de abordar o que, durante milénios, em todas as culturas e civilizações foi considerado intocável e não nomeável".
Mais no Diário de Notícias.
Mais no Correio da Manhã.
Mais em El Mundo (Espanha).
Mais em El País (Espanha).

Mais em Información (Espanha).

Regresso de Saramago e Lobo Antunes

José Saramago e António Lobo Antunes, os dois cabeças-de-lista da ficção portuguesa, para usar uma metáfora política de gosto duvidoso, mas não inteiramente impertinente, regressam no Outono com novos romances, respectivamente editados pela Caminho e pela Dom Quixote.
Zeferino Coelho, da Caminho, ainda não pode adiantar o título da obra de Saramago, mas promete divulgá-lo em breve. Lobo Antunes cumpriu o desejo, expresso numa das suas crónicas, de usar como título de livro uma frase que ouviu cantar a Vitorino e Janita Salomé: Que cavalos são aqueles que fazem sombra no mar?
Mais no Público.

quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Valongo regressa a 1832 para reviver a Guerra Civil Portuguesa


A freguesia de Campo, em Valongo, vai voltar a 1832 para reviver a batalha que opôs tropas de dois irmãos no período do Cerco do Porto, durante a Guerra Civil Portuguesa (1828-1834).A Batalha da Ponte Ferreira”, uma encenação da companhia ENTREtanto Teatro, conta com o envolvimento de cem participantes, entre actores profissionais e amadores, músicos e alunos dos cursos de formação em teatro do concelho.A viagem a 23 de Julho de 1832 - data em que as tropas dos irmãos D. Pedro e D. Miguel se bateram nas margens do rio Ferreira e na ponte em pedra que, à época, fazia parte da ligação entre o Porto e Trás-os-Montes – começa hoje, pelas 21h45, e termina no domingo, 30 de Agosto. O largo da Ponte Ferreira transforma-se, assim, numa sala de espectáculos com bancadas de madeira voltadas para o rio.
Mais no Público.

Fado cativa luso-descendente...

Apesar de filha de uma portuguesa, Brita só aos 15 anos aprendeu a língua. Veio a Lisboa para absorver o fado. Aprendê-lo, absorver as suas idiossincrasias tão particulares. Alma de fadista já a tem.
Por entre as ruas de Alfama, Brita Lemmens confunde-se com os "nativos" que por ali deambulam, apenas sob orientação do brilho de uma lua misteriosa. O mítico bairro alfacinha encerra a tradição noctívaga do fado. Do genuíno. Do que dispensa ensaios. Do que sai de dentro. Aos 21 anos de idade, a estudante holandesa de Artes e Cultura, ainda que luso-descendente, veio de férias a Portugal com um único intento. Perceber o fado, tentar apreendê-lo, absorver a sua essência.
Mais no Jornal de Notícias.

terça-feira, 25 de agosto de 2009

Palácio de Queluz vai ser o primeiro a usufruir do Programa Cheque-Obra


O ministro da Cultura já tinha anunciado que gostaria que a execução do Programa de Recuperação do Património Classificado, também conhecido como Programa Cheque-Obra, começasse pelo Palácio de Queluz. É isso que vai acontecer a partir de hoje, com uma intervenção no valor de cerca de 600 mil euros, resultantes da contribuição de 1 por cento, "em espécie", do valor de empreitadas públicas adjudicadas pelo Estado a duas empresas de construção civil

Mais no Público.

segunda-feira, 24 de agosto de 2009

Notifax de 15 de Agosto de 2009

Dulce Maria Cardoso: “Tentei ser normal e não me dei bem”


Chama-se Dulce Maria Cardoso e é autora de dois romances, tão depressa publicados, mais depressa premiados, o mais recente dos quais, ‘Os Meus Sentimentos’, recém-distinguido com o Prémio da União Europeia para a Literatura.
"Sinto-me mais surpreendida do que estimulada ou pressionada. É, sobretudo, inesperado o reconhecimento imediato. Os prémios são uma honra mas não são certificado de garantia de talento. A minha preocupação é fazer uma escrita honesta. Escrevo e reescrevo até conseguir o meu melhor ou, simplesmente, não publico... Acho que escrevo contra a solidão e a favor da memória. Gostem ou não, importa que me leiam, que me ouçam", explica sobre o facto de preferir os leitores aos prémios.
Mais no Correio da Manhã.

Lisboa: Armazéns do Chiado vão ter cinema ao ar livre

Armazéns do Chiado vão ter cinema ao ar livre (COM VÍDEO)
Os armazéns do Chiado, em Lisboa, vão ter direito a uma sessão de cinema ao ar livre.
No próximo dia 28 de Agosto, sexta-feira, decorre o ‘Chiado Street Cinema’, na Rua Garrett, que vai incluir a exibição de ‘Quem Quer Ser Bilionário?’, o filme que ganhou os principais Óscares na última cerimónia, como o de Melhor Filme.
Na sessão agendada para as 21h30, a projecção começa com a antestreia da série ‘Fringe’, da Fox.

sábado, 22 de agosto de 2009

Morreu o actor Morais e Castro



O actor Morais e Castro, que entre outros feitos co- protagonizou a série televisiva 'As Lições do Tonecas', morreu este sábado, aos 69 anos, vítima de cancro.
Com mais de 50 anos de carreira, Morais e Castro era actor e encenador. Participiou em inúmeras peças de teatro, em longas metragens e em séries televisivas captando a atenção do público na série 'As Lições do Tonecas', transmitida pela RTP e co-protagonizada pelo actor Luís Aleluia.
Mais no Correio da Manhã.
Mais no Público.

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

300 Años de la Primera Presentación Pública (con éxito) de un Aerostato


73 años antes de los hermanos Montgolfier, fue el sacerdote jesuita y naturalista portugués Bartolomeu Lourenço de Gusmão (1685-1724), el primero que construyó un artilugio capaz de elevarse en el aire por sus propios medios.

Cuenta la leyenda que fue la observación de una pompa de jabón elevándose al pasar sobre una vela la que le hizo pensar en la posibilidad de construir un aparato volador más ligero que el aire.

Ver más...

SPA atribui Medalha de Honra a Jorge de Sena


A Sociedade Portuguesa de Autores (SPA) vai atribuir a Medalha de Honra a título póstumo ao escritor Jorge de Sena, falecido em 1978 nos Estados Unidos e cujos restos mortais serão trasladados para o cemitério dos Prazeres na primeira quinzena de Setembro. A SPA considera que "o regresso definitivo de Jorge de Sena a Portugal encerra um longo ciclo de desencontro e afastamento que tão profundamente marcou a sua vida e a sua obra, deixando também marcas profundas na cultura portuguesa do século XX".

Sena viveu no exílio desde 1959, primeiramente no Brasil e depois nos Estados Unidos. Cumpriria o seu 90.º aniversário a 2 de Novembro. A Medalha será entregue à família do escritor por ocasião da transladação dos seus restos mortais.

Mais no Público.

Saramago e Lídia Jorge candidatos

A Viagem do Elefante, de José Saramago, e O Vento Assobiando nas Gruas, de Lídia Jorge, são as duas obras portuguesas a figurar na short list do prémio Zaffari& Bourbon, atribuído pela Universidade de Passo Fundo, no Brasil. Esta que é já a sexta edição do prémio que visa distinguir o melhor romance publicado em língua portuguesa, tem na lista nomes como Chico Buarque. O vencedor será anunciado no dia 3 de Setembro.

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Embargo: Novo filme sobre texto de Saramago


"Embargo", baseado no conto homónimo de José Saramago, é a nova longa-metragem do realizador António Ferreira que deverá chegar às salas de cinema em Setembro de 2010, disse hoje o realizador à agência Lusa.
O filme, que está a ser totalmente rodado em Coimbra, conta a história de Nuno, um homem que trabalha numa roulote que vende bifanas e inventou um digitalizador de pés, uma máquina que promete revolucionar a indústria do calçado.
A acção situa-se numa altura em que decorre um embargo petrolífero e em que Nuno vive completamente obcecado em vender a máquina.
"A ideia de fazer este filme surgiu quando eu tinha 17 ou 18 anos, em que cheguei a começar a filmá-lo ainda que de uma forma muito amadora", disse António Ferreira à Lusa, acrescentando que acabou por só vir a concretizá-la vinte anos depois.
Mais no Diário de Notícias.

Cientistas portugueses descobrem mecanismo de protecção natural contra formas graves da malária

Todos os anos, o parasita da malária infecta 200 a 500 milhões de pessoas no mundo e mata um a dois milhões. Então, o que é que protege naturalmente da morte a esmagadora maioria dos infectados? A equipa de Miguel Soares, do Instituto Gulbenkian de Ciência, em Oeiras, acaba precisamente de descobrir um mecanismo de protecção natural contra as formas graves da malária e hoje publicou os resultados na revista norte-americana “Proceedings of the National Academy of Sciences”.

Esta protecção natural acabada de identificar não tem a ver com a capacidade de o próprio sistema imunitário eliminar o parasita da malária, o “Plasmodium”. Nem tem a ver com a eliminação do parasita com medicamentos antimaláricos, pois mesmo entre quem os recebe há mortes — sem que se soubesse explicar, até agora, por que tal acontecia. A resposta da equipa de Miguel Soares é que essa protecção natural tem a ver com a capacidade de os próprios tecidos do organismo se protegerem contra a resposta em curso do sistema imunitário contra o agente patogénico.
Mais no Público.

domingo, 16 de agosto de 2009

Os Sorrisos do Destino: estreia em Outubro


Os Sorrisos do Destino, primeiro filme em formato digital de Fernando Lopes, tem já estreia marcada nos cinemas portugueses. A nova comédia dramática do realizador de Belarmino chega às salas em Outubro, a tempo da rentrée cinematográfica.
Produzida pela Clap Filmes, de Paulo Branco, esta é, nas palavras do próprio produtor, uma "comédia dramática e quase musical". No centro de toda a acção, filmada na região de Lisboa, está um bizarro triângulo amoroso, ao som de "muitos boleros".
A banda sonora, conta Paulo Branco, foi elaborada precisamente para reforçar "a ironia do caso amoroso" vivido pelas personagens: Ada (Ana Padrão) e Carlos (Rui Morrison), um casal em crise conjugal depois de ele descobrir que ela tem um amante, Manuel (Milton Lopes)... de quem acabará por ficar amigo.
Mais no Correio da Manhã.

Morreu Isabel Alves Costa

Isabel Alves Costa, directora do Festival Internacional de Marionetas do Porto e ex-responsável artística do Rivoli, faleceu hoje em Monção.
A programadora Isabel Alves Costa (1946-2009), primeira e última directora artística do Rivoli Teatro Municipal, no Porto, morreu ontem na sua casa de férias, em Monção, vítima de doença súbita. Filha de Henrique Alves Costa, histórico director do Cineclube do Porto e figura determinante na divulgação do cinema em Portugal entre as décadas de 50 e 70, e irmã do arquitecto Alexandre Alves Costa, Isabel Alves Costa teve um papel fundamental na estruturação da vida cultural do Porto durante a década de 90 e foi uma das programadoras mais activas do Porto 2001 - Capital Europeia da Cultura, como responsável pela área das artes do palco.
Mais no Público.

quinta-feira, 13 de agosto de 2009

Estado compra espólio do fado…

O espólio do fado, como ficou conhecida a colecção de cerca de oito mil registos fonográficos do britânico Bruce Bastin, ficou mais barato ao Estado e à Câmara de Lisboa: o acordo final permitiu a compra dos discos de 78 rotações por 910 mil euros, menos cem mil do que os 1,1 milhões de euros contratualizados em 2007 pela então ministra da Cultura Isabel Pires de Lima. E um novo arquivo sonoro irá unir o Ministério da Cultura e a EGEAC em parceria.

Mais no Público.

Arena chega a Portugal....

A curta-metragem portuguesa ‘Arena’ vai chegar às salas a 17 de Setembro.
O filme, que recebeu a Palma de Ouro no último Festival de Cannes, será exibido como complemento à obra ‘Taking Woodstock’, de Ang Lee.
A curta-metragem dirigida por João Salaviza vai, antes disso, passar pelo Festival Internacional de Cinema de Sarajevo e pelo 20.º Festival Internacional de Curtas-Metragens de São Paulo.
Mais no Correio da Manhã.

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

NotiFax de 31 de Julho de 2009

Rosa Alice Branco gaña o Espiral Maior de poesía


En palabras do xurado, formado por Xosé María Álvarez Cáccamo, Xavier Rodríguez Baixeras e Miguel Anxo Fernán Vello, a obra gañadora, "O gado do Senhor", contén unha proposta poética que leva a cabo un discurso crítico e unha glosa irónica sobre a Biblia, centrada na consideración da inxustiza que representa a morte consentida pola Providencia. A obra gañadora denota igualmente un grande dominio técnico, tanto na composición do poema como no ritmo sintáctico e une unha gran intensidade dramática en equilibrio cunha ollada serena sobre a realidade inmediata.

Á actual convocatoria presentaronse un total de 198 libros, procedentes de Galicia, Portugal, Angola e Brasil e, en declaracións efectuadas polo xurado, contou a presente edición cun dos niveis máis altos de calidade observados na historia do certame. O Premio de Poesía Espiral Maior, dotado con 15.000 euros -o que o converte nun dos galardóns poéticos máis dotados economicamente da Península Ibérica-, supón, a maiores, a publicación da obra, cunha tiraxe de 2.000 exemplares, na Colección de Poesía de Edicións Espiral Maior.

Mais em Viveiros.

Subsídios para novos filmes…

Instituto do Cinema e Audiovisual dá 2,6 milhões de euros para quatro filmes
Quatro longas metragens, entre as quais uma de Manuel de Oliveira, vão receber o subsidio de 2,6 milhões de euros atribuídos pelo Instituto do Cinema e Audiovisual (ICA). As obras agora escolhidas resultam de dois programas distintos, Programa de Apoio e Programa Complementar de Apoio às Longas-Metragens de Ficção.
O Estranho Caso de Angélica, projecto em quem Manoel de Oliveira tem vindo a trabalhar, recebeu um apoio financeiro de 700 mil euros. Idêntica quantia recebeu Mistérios de Lisboa, uma obra do realizador chileno Raoul Ruiz produzida por Paulo Branco, que parte do romance homónimo de Camilo Castelo Branco.

Mais no Diário de Notícias.
Mais no Jornal de Notícias.

terça-feira, 11 de agosto de 2009

Filme sobre assassínio do general Humberto Delgado


O filme "Operação Outono", de Bruno de Almeida, sobre o assassínio de Humberto Delgado, que conta com 600 mil euros de apoio do Instituto do Cinema e Audiovisual (ICA), só deverá ser rodado em 2010.
"Vai demorar os anos que forem precisos, não tenho pressa, porque em Portugal não há muitos filmes com estas características", explicou Bruno de Almeida à agência Lusa, referindo que este é, de longe, o seu projecto de cinema mais arrojado.
A longa-metragem deverá ser rodada em Portugal, Espanha, Argélia, Marrocos, França e Itália e o elenco será maioritariamente português, embora nada tenha ainda sido decidido sobre quem serão os actores.
O realizador está há mais de um ano a trabalhar no projecto, sobretudo ne argumento, redigido em parceria com Frederico Delgado Rosa, neto de Humberto Delgado.
Mais no Diário de Notícias.
Mais no Correio da Manhã.

Reeditado primeiro álbum de Amália

O primeiro álbum de Amália Rodrigues, editado nos Estados Unidos em 1954, será reeditado em vinil, numa edição limitada de 500 exemplares, pela Companhia Nacional de Música (CNM).
O LP, gravado em 78 rotações, intitula-se "Amália Rodrigues sings fado from Portugal and flamenco from Spain", e é composto por quatro faixas cantadas em português e outras tantas em espanhol.
Nuno Rodrigues da CNM afirmou à Lusa que "a edição deste primeiro LP confirma em definitivo o estatuto de Amália, colocando-a ao nível das maiores vedetas internacionais da época".
Nesta altura Amália cantava no Clube La Vie en Rose, em Nova Iorque, onde fazia cartaz com Marlene Dietrich e Edith Piaf.
Mais no Diário de Notícias.

segunda-feira, 10 de agosto de 2009

Fado: Património mundial da UNESCO?


Desde 2005 que estamos a trabalhar na preparação da candidatura, aguardando agora a publicação pelo Governo da portaria que regulamenta a apresentação e formalização do processo. Saída esta portaria apresentaremos a candidatura à UNESCO (Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura)", explicou.
Em declarações à Lusa, a gestora do Museu do Fado afirmou que a partir de Outubro inicia-se um plano editorial que inclui a reedição "de algumas das fontes fundamentais para a história do fado".
Entre essas fontes documentais, Sara Pereira referiu a edição facsimilada de "O fado, canção de vencidos" de Luís Moita (1937) "e a resposta de Vítor Machado".
Mais no Diário de Notícias.

sexta-feira, 7 de agosto de 2009

Novo romance de Francisco José Viegas


Segundo inforfma o Correio da Manha, o novo romance de Francisco José Viegas, ‘O Mar em Casablanca’, vai ser publicado na primeira semana de Outubro, anunciou o escritor e jornalista, esta sexta-feira, no seu blogue pessoal, numa altura marcada pela sua saída da Asa para a Porto Editora.
José Viegas conta uma intensa actividade jornalística na rádio e na televisão e já trabalhou em mais de dez títulos da imprensa portuguesa.
Como escritor publicou obras de divulgação, poesia, romances, contos, teatro e relatos de viagens. Em 2006, o romance policial, ‘Longe de Manaus’ recebeu o Grande Prémio de Romance e Novela, atribuído pela Associação Portuguesa de Escritores.
Como se recordará, Francisco José Viegas já esteve na Venezuela a convite do Instituto Português de Cultura.

Chapéus portugueses em filme... americano!

Em ‘Inimigos Públicos’, novo filme de Michael Mann nos cinemas portugueses a partir de hoje, há polícias e ladrões. E todos usam chapéu. Ao todo são 80 modelos de óptima qualidade e assinatura portuguesa. Os materiais (feltros) e tinturas foram criados na Fepsa, fábrica de São João da Madeira.
Para o chapéu de Johnny Depp, que interpreta John Dillinger, o mais famoso ladrão de bancos dos EUA nos anos 30, foi até criada uma cor exclusiva – 'o ‘black ruby’, um vermelho escuro, quase preto', como explica o proprietário da Fepsa, Ricardo Figueiredo.
A encomenda veio da Optimo Hats, cliente da Fepsa em Chicago, e 80 exemplares foram parar à rodagem de ‘Inimigos Públicos’, ocupando cabeças como as de Depp, Christian Bale – o polícia que persegue Dillinger – ou Billy Crudup.
O modelo é o ‘Fedora’, ao estilo gangster, e Ricardo Figueiredo está ansioso por vê-lo no grande ecrã. Porque afinal, nesta história de gansgters da Grande Depressão – hino aos policiais negros dos anos 40 –,'os chapéus são a alma do filme', diz o homem que ajudou a dar charme a estes polícias e ladrões de Michael Mann.

Prémio também na ciência...

Ana Mourão e a Fundação Navegar vão ser premiados pela participação nas “100 Horas de Astronomia”, no Brasil, no dia 11 de Agosto. O empenho dos investigadores colocou Portugal entre os cinco países mais empreendedores de todo o mundo.

A investigadora, do Centro Multidisciplinar de Astrofísica (CENTRA) do Instituto Superior Técnico, foi galardoada com o prémio “Participação Individual Marcante”, por ter colocado as ilhas Flores e Corvo no mapa do Ano Internacional da Astronomia, um empreendimento que, segundo o coordenador nacional das “100 horas”, Ricardo Reis, chegou a colocar Ana Mourão "em risco de vida”. Em Abril, numa só semana, marcou presença em seis das sete ilhas açorianas, levando a astronomia a mais de 1000 estudantes e chegando mesmo a fazer “a passagem para a ilha do Corvo num pequeno barco de borracha”, afirmou Ricardo Reis.

Mais no Público.

quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Sofia Escobar volta a ser premiada


Sofia Escobar foi distinguida com o Prémio Frederico Valério, na 2.ª edição dos prémios de Teatro Guia dos Teatros 2008, cujos galardões foram entregues no passado dia 25 de Maio, no Museu Nacional do Teatro.
"Este prémio destina-se a homenagear quem, de uma maneira ou outra, esteja a contribuir para o crescimento do Teatro Musical com uma veia portuguesa", explicou Frederico Corado, director dos Prémios de Teatro Guia dos Teatros.
Depois de ter recebido o prémio de Melhor Actriz de Teatro Musical em Inglaterra, atribuído pelo portal de espectáculos britânico Whatsonstage, e da nomeação para o prestigiado prémio Laurence Olivier, pelo seu papel de Maria em West Side Story, Sofia Escobar é agora distinguida em Portugual. Ausente do país por razões profissionais, Sofia Escobar fez questão de deixar uma mensagem de agradecimento: "Este prémio é resultado de um trabalho de equipa e dedico-o a todos os que, de uma forma ou outra, têm contribuído para a minha carreira", disse a actriz, deixando ainda uma palavra de incentivo aos artistas portugueses: "Não desistam, lutem sempre, porque nada é impossível e os sonhos podem mesmo realizar-se."
Mais sobre Sofia Escobar.

Diogo Morgado será S. José em filme de Hollywood

O actor português Diogo Morgado vai fazer de S. José no filme norte-americano 'Mary Mother of Christ', de James Foley. Ao CM, diz que esta oportunidade é única mas que não pensa sair de Portugal.
"A minha vida profissional passa por Portugal e quero fazer coisas cá. Há muita coisa a fazer', disse Diogo Morgado.
O convite surgiu 'de forma natural', através do agente que o actor português possui em Los Angeles. A rodagem deve começar em Outubro e o elenco conta ainda com actores como Al Pacino (Herodes), Peter O'Toole (Simão), Jonathan Rhys Meyers (Lúcifer) e Camilla Belle (Maria).
'O Al Pacino é um nome absolutamente de referência para qualquer actor. É um dos grandes actores vivos. Se puder estar ao lado dele, aprender com ele, tanto melhor. É uma oportunidade única', disse ao CM.
Mais no Correio da Manhã.

quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Saramago e a... união ibérica!


"Y sin embargo, se mueve". Estas palabras las diría como si fuera un susurro casi inaudible Galileo Galilei al terminar la lectura de la abjuración a que fue forzado por los inquisidores generales de la Iglesia católica el 22 de junio de 1633. Se trataba, como se sabe, de obligarle a desmentir, condenar y repudiar públicamente lo que había sido y seguía siendo su profunda convicción, es decir, la verdad científica del sistema copernicano, según el cual es la Tierra la que gira alrededor del Sol y no el Sol alrededor de la Tierra.

El estudio del texto de la abjuración de Galileo debería hacerse con conveniente atención en todos los establecimientos de enseñanza del planeta, fuese cual fuese la religión dominante, no tanto para confirmar lo que hoy es una evidencia para todo el mundo, que el Sol está parado y la Tierra se mueve a su alrededor, sino como manera de prevenir la formación de supersticiones, lavados de cerebro, ideas hechas y otros atentados contra la inteligencia y el sentido común.

Mais em El País.

Espólio de Pessoa é “tesouro nacional”


O espólio documental do escritor Fernando pessoa, que inclui cartas, fotografias, livros e apontamentos, foi classificado, esta quinta-feira, como “tesouro nacional”, em Conselho de Ministros.
Essa classificação teve em conta “o relevante interesse cultural, designadamente, histórico, linguístico, documental e social' e reflecte 'valores de memória, autenticidade, originalidade, raridade, singularidade e exemplaridade', refere o Conselho de Ministros em comunicado.

Mais no Correio da Manhã.

terça-feira, 4 de agosto de 2009

Zeca Afonso homenageado em Coimbra


A autarquia de Coimbra prestou hoje homenagem a Zeca Afonso, quando passam 80 anos sobre o nascimento do músico, com o descerramento de uma placa numa das casas onde o cantor viveu e a apresentação de um livro.

Zeca Afonso, que nasceu em Aveiro a 2 de Agosto de 1929, estudou em Coimbra, cidade à qual manteve uma forte ligação entre 1940 e 1969, tendo sido um dos mais emblemáticos compositores e cantores da canção de Coimbra.


Ver mais no Público


Mais no Correio da Manhã.

Plácido Domingo se resiste a cantar fado

Aunque le gustaría interpretarlo, el tenor español le tiene "respeto" a ese género musical de origen portugués.


El tenor español Plácido Domingo asegura que hay un género musical que se le resiste, el fado, que aunque le gustaría, todavía no ha abordado porque lo considera "muy difícil" y le tiene "respeto".

En una entrevista concedida a Efe con motivo de su primera actuación en la isla mediterránea de Mallorca, este martes en un concierto benéfico, el tenor afirma que este género de origen portugués es su asignatura pendiente.



Ver mais no El Universal